Logo

Atendimento de segunda a sexta, das 08:00 às 17:00.




Reunião sobre gestão dos resíduos sólidos reúne representantes da região

Reunião sobre gestão dos resíduos sólidos reúne representantes da região

A Câmara Municipal participou da Reunião de Orientação Técnica sobre Gestão dos Resíduos Sólidos Urbanos, promovida pelo Consórcio Intermunicipal para Desenvolvimento Sustentável da Região de São Sebastião do Paraíso - Cidassp, nessa terça-feira (26). Estavam presentes os vereadores Cidinha Cerize (PSDB), Lisandro Monteiro(SD), Luiz de Paula (PHS) e Vinício Scarano (SD). Participaram representantes dos municípios consorciados: Fortaleza de Minas, Itamogi, Jacuí, Monte Santo de Minas, Pratápolis e São Tomás de Aquino. Além dos municípios de Cabo Verde, Cássia, Guaxupé, São Pedro da União, Juruaia e Bom Jesus da Penha.

Carolina Monteiro Barros e Victória Araújo Vieira de Castro, do Instituto Gesois, apresentaram informações sobre a correta gestão dos resíduos, passando por todas as etapas desde a coleta até a disposição final. A fala abordou a sustentabilidade ambiental, social e econômica do manejo dos resíduos, com foco na realização da coleta seletiva: concentração de apenas uma área de dano ambiental na região (aterro sanitário), desenvolvimento socioeconômico das cooperativas, associações e catadores de recicláveis, além do recebimento do ICMS Ecológico, entre outras questões.

O encontro tratou ainda da atual situação do consórcio, que tem São Sebastião do Paraíso como sede. Ele teve início em 2014 e ficou com suas atividades paradas até abril de 2017, quando houve a eleição da diretoria. As atividades do consórcio voltaram a ser realizadas em julho de 2018.

O município possui o aterro sanitário municipal que receberá os rejeitos dos seis outros consorciados. A Secretaria de Meio Ambiente informou que está em andamento a licitação para a construção de uma vala emergencial no aterro para receber os resíduos do município, pois a plataforma atual não tem mais capacidade. Paralelamente, caminha o processo de licitação para que o aterro sanitário seja gerido pelo Cidassp.  

Os vereadores questionaram a atuação do consórcio e a sua sustentabilidade a longo prazo, considerando a vinda dos resíduos de todos os consorciados para o município. Foi debatido que apenas os rejeitos que não podem ser reaproveitados serão destinados ao aterro de Paraíso, considerando que há um custo logístico. Os demais resíduos deverão ser reciclados.

 

Fonte: http://www.camarassparaiso.mg.gov.br/mostra-aconteceu.php?s=reuniao-sobre-gestao-dos-residuos-solidos-reune-representantes-da-regiao